Saiba quais são as cirurgias plásticas mais comuns no Brasil

cirurgia plastica mais procuradas

Saiba quais são as cirurgias plásticas mais comuns no Brasil

Em algum momento da vida, você já deve ter implicado com uma parte do corpo. Afinal, a busca por mais beleza é natural para homens e mulheres. Seja para moldar o nariz, modificar o tamanho dos seios ou eliminar a gordurinha localizada, as cirurgias plásticas são imaginadas como a solução para ficar de bem com a aparência.

A procura é tão grande que, o Brasil superou os Estados Unidos e se tornou líder mundial na realização desse tipo de procedimento. Os dados levantados pela Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica Estética (Isaps) mostram que o país realizou 1,49 milhão de intervenções em 2013.

Principais cirurgias plásticas

De acordo com a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, o procedimento mais realizado no Brasil é a lipoaspiração, com quase 228 mil casos. Em segundo lugar, a colocação de próteses mamárias foi realizada em 226 mil pacientes.

O país também é líder em números de abdominoplastia e rinoplastia, com 129 mil e 77 mil procedimentos em 2013, respectivamente. Ao todo, mais de 23 milhões de cirurgias plásticas foram realizadas no mundo naquele ano.

As mulheres representam cerca de 87% dos pacientes que passaram por cirurgias plásticas. Os procedimentos mais procurados por eles são a rinoplastia, a lipoaspiração e a otoplastia – intervenção para a correção das orelhas.

Por dentro das cirurgias plásticas

Em todos os procedimentos apresentados a seguir, os pré-requisitos para se submeter a cirurgia são fazer exames laboratoriais e passar por avaliação médica, parar de fumar com bastante antecedência e evitar tomar determinados medicamentos que podem aumentar o sangramento.

Mamoplastia de aumento

Segundo a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, a mamoplastia de aumento pode ser boa opção se você estiver fisicamente saudável, ter os seios totalmente desenvolvidos, estiver incomodada com a sensação de que as mamas são muito pequenas ou estiver insatisfeita com elas após a gravidez, perda de peso ou envelhecimento.

Também importante você faça uma mamografia antes do procedimento e outra após. Isso ajuda a detectar mudanças futuras no tecido mamário. Embora a recuperação varie em cada caso, o período de recuperação pós-cirúrgica geralmente é de 24 a 48 horas, seguido de um intervalo de repouso de alguns dias.

Lipoaspiração

Esse procedimento remodela áreas específicas do corpo e remove o excesso de gordura da região, melhorando os contornos e a proporção corporal. A lipoaspiração pode ser usada para tratar acúmulos gordurosos como nas coxas, braços, pescoço, cintura, costas e pernas.

Após a cirurgia, o paciente utiliza uma malha de compressão ou bandagens elásticas nas áreas tratadas na finalização do procedimento, pois elas ajudam a controlar o inchaço e a comprimir a pele. Além disso, um pequeno dreno pode ser colocado nas incisões por baixo da pele para remover excessos de sangue ou de fluido.

Abdominoplastia

Ainda como alternativa semelhante à lipoaspiração, existe a abdominoplastia, que remove o excesso de gordura e de pele, podendo restaurar os músculos enfraquecidos ou separados. O procedimento é indicado se você acumulou pele na gravidez, durante o envelhecimento, grandes oscilações de peso ou por fatores hereditários.

Após a abdominoplastia, curativos ou bandagens podem ser usados sobre as incisões para minimizar o inchaço e sustentar os novos contornos do abdômen de acordo com a cicatrização. Um dreno também pode ser colocado temporariamente colocado por baixo da pele para drenar excessos de sangue e de fluidos.

Cirurgia Intima

A cirurgia intima é pouco divulgada pois enquanto as mulheres gostam de se gabar sobre a colocação de prótese, a cirurgia intima é quase um tabu. E o fato de não ser divulgada, muitas mulheres sofrem com o problema e nem sabem que tem solução.

A cirurgia intima tende a resolver problemas como excesso de pele nos grandes e pequenos lábios internos da região intima da mulher, reduzir o volume do monte púbis e até melhorar a frouxidão da pélvica podendo ser ocasionada por partos normais.

E você, já pensou em fazer uma ou mais cirurgias plásticas?

Leave a comment

Your email address will not be published.


*